Temer denuncia o empresário Joesley Batista



Nota oficial do Palácio do Planalto informa que ações civil e penal serão protocoladas na segunda-feira, 19; em entrevista à revista Época, empresário acusou presidente de 'chefiar organização criminosa'
Resultado de imagem para Michel temer com raiva de Joesley Batista fotos

O presidente Michel Temer vai processar o empresário Joesley Batista, de acordo com nota divulgada pelo Palácio do Planalto neste sábado. O texto acusa Joesley de proteger "os reais parceiros de sua trajetória de pilhagens" e os "grandes tentáculos da organização criminosa" que ele ajudou a forjar, numa referência aos governos do Partido dos Trabalhadores.

A nota foi divulgada após a publicação de entrevista do empresário Joesley Batista pela Revista Época em que ele afirma que Temer é "chefe de organização criminosa" e que "quem não está preso está hoje no Planalto.


O texto da Presidência afirma que Joesley é o "bandido notório de maior sucesso na história brasileira" e que ele "desfia mentiras em série" na entrevista. "O presidente tomará todas medidas cabíveis contra esse senhor. Na segunda-feira, serão protocoladas ações civil e penal contra ele. Suas mentiras serão comprovadas e será buscada a devida reparação financeira pelos danos que causou, não somente à instituição Presidência da República, mas ao Brasil", afirma o texto, acrescentando que o governo não será impedido de apurar e responsabilizar Joesley por todos os crimes que praticou, "antes e após a delação". 
Michel Temer


Author:

Anterior
Proxima