terça-feira, 12 de setembro de 2017

'Ele me disse que estava indo para o garimpo', diz mãe de maranhense preso com cocaína no estômago na Tailândia

Paulo Henrique Pires do Nascimento foi preso enquanto estava no principal aeroporto de Bangcoc, na Tailândia enquanto tentava entrar no país com 1,3 kg de cocaína no estômago.

Isolete Pires do Nascimento contou que o filho havia ido trabalhar em um garimpo no Suriname. (Foto: Reprodução/TV Mirante)

Isolete Pires do Nascimento contou que o filho havia ido trabalhar em um garimpo no Suriname. 

A mãe do maranhense Paulo Henrique Pires do Nascimento, de Olho d’Água das Cunhãs, a 287 km de São Luís e que foi preso na última quarta-feira (6) na Tailândia com 1,3kg de cocaína no estômago, disse em entrevista ao G1, que o filho disse a ela que estava indo trabalhar pela quarta vez em um garimpo no Suriname, antes de deixar o Maranhão no dia 2 de março.
“Ele disse que ia trabalhar no garimpo, no Suriname. De lá ele passou pela Guiana Francesa e a última noticia que tive dele, ele estava no Suriname e só dizia pra mim que estava lá. Mas eu não sei se ele foi em um outro lugar antes e só soube ontem que ele tinha vindo de São Paulo”, contou.
Isolete Pires do Nascimento contou que soube da prisão do filho por meio das redes sociais e que não sabia do envolvimento dele com o tráfico de drogas. “Nos pegou de surpresa eu não sabia que ele tava participando desse tipo de coisa e só ontem caiu a ficha total, que a gente viu ele em todas as redes sociais do Maranhão e eu não sabia. O filho mais querido que eu tinha e hoje eu estou perdendo meu filho”, desabafou.

Paulo Henrique Pires do Nascimento, preso na Tailândia por tráfico de drogas. (Foto: Reprodução/Narcotics Suppression Bureau)

Paulo Henrique Pires do Nascimento, preso na Tailândia por tráfico de drogas. (Foto: Reprodução/Narcotics Suppression Bureau)