Eleições de 2018 podem ser anuladas. Entenda!

Disputas de 2018 poderão ocorrer só em 2020. Mas qual será o porquê?

A tônica dessa vez foi a possível prorrogação do mandato de Michel Temer, que poderá acontecer caso uma PEC seja aprovada.





















Foi realizada nesta quinta-feira (4), a leitura de um ato do presidente da Câmara do Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) para a  instalação de uma comissão especial. A função dessa comissão será a de analisar a PEC (proposta de emenda à Constituição) 77-A, de 2003, apresentada pelo deputado Marcelo Castro (PMDB-PI) que implicará no cancelamento das eleições presidenciais de 2018.
















A proposta põe fim à reeleição majoritária e determina que haja simultaneidade nas eleições e prazo de cinco (5) anos para os cargos eletivos na esfera federal, estadual e municipal, relacionadas aos poderes Executivo e Legislativo.

O documento acima serviu como "prova" para sites apontarem um possível golpe — rapidamente chamado de "Golpe 2.0" pelas mídias"— na qual teria como finalidade a anulação do pleito do próximo ano, prolongando assim o mandato do presidente em exercício, Michel Temer (PMDB) até 2020.

Segundo o relator do projeto, deputado federal Vicente Cândido (PT-SP) não há nada a ver com golpe. Outro seria o objetivo, não este. 
O petista esclareceu que a proposta apresentada em 2003 foi suscitada por ter relação com o tema da comissão.



Como já falado, o relatório faz menção a descoincidência das eleições a partir de 2022 (em anos separados para o Executivo e Legislativo), além também do fim dos cargos de vice, mandato de dez anos para representantes Côrtes e a adoção do sistema distrital nas eleições de 2026.

O petista, que faz oposição a Temer disse:
"Não é verdade que a PEC prorrogue o mandato de Temer. Não Tem nada disso. Não vamos ficar procurando 'pelo' em ovo"

Importa lembrar: a PEC em questão já teve a admissibilidade aprovada pela CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara. Por esta razão pode tramitar de forma mais rápida.























Author:

Anterior
Proxima